Platiny Soares agracia Juliana Follmer com o Título de Cidadão Amazonense

0

Juliana Follmer Bortolin Lisboa, Oficiala de Registro do 8٥ofício de registro civil das pessoas naturais, recebeu na manhã desta terça-feira (29), o Título de Cidadão do Amazonas, maior honraria oferecida pela Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas.

Com autoria do 1º Secretário da Mesa Diretora, deputado Platiny Soares (DEM), a homenagem fez jus ao trabalho comprometido de Juliana Follmer, na luta pela erradicação do sub-registro civil de nascimento.

“Juliana é uma daquelas pessoas que chegaram ao nosso Estado, para agregar e contribuir para o progresso social da nossa gente. Competente, ética e humanizada, ela presta um papel social de alta relevância, sendo agora reconhecida efetivamente como cidadã do nosso querido Estado. Lugar que ela escolheu para viver ao lado de sua família e consolidar sua carreira profissional”, destacou Platiny Soares.

Emocionada, Juliana, relembrou sua trajetória marcada pelo afinco e amor ao direito notarial e registral. Agradecendo a Deus, família e amigos pelo apoio dado ao logo da vida, Juliana ressaltou a iniciativa de Platiny Soares e demais integrantes do Poder Legislativo, que aprovaram com unanimidade o Projeto de Lei, que lhe concedeu a homenagem.

Sobre Juliana Follmer

Possui Mestrado em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS- (2000). Especialista em Direito Notarial e Registral pela Faculdade Arthur Thomas (PR) e Especialista em Direito Civil Negocial Imobiliário pela Universidade Anhanguera (UNIDERP).

Professora da Escola Superior de Magistratura do Amazonas (ESMAM), de Direito Notarial e Registral e Direito Civil. Professora da Pós-Graduaçao Lato sensu de Direito Notarial e Registral da Rede LFG. Registradora Civil – 8 RCPN de Manaus.

Autora de Livro A atividade notarial e registral como delegação do Poder Público (2004). Graduação em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Luterana do Brasil (1995). Área de atuação de direito notarial, direito registral e direito civil.

Comments are closed.